AS ROSAS NÃO FALAM

Volto ao jardim para ouvir o rumor dos nossos músicos populares, ja mais aliviados com a decisão do Supremo Tribunal Federal, que em atenção aos seus reclamos vem decretar a extinção de uma das aberrações perdidas entre os dejetos do impedimento, por escusos interesses. Não que a OMB deva ser extinta, como um órgão perverso, mas para que se lhe estirpem os malefícios e inércia na defesa de nossos direitos.

A lúcida medida, advinda  da relatora ministra Ellen Gracie, vem abrir novo horizonte, com transparência, não só pelo cuidado e o respeito à cultura de nosso pais, como pela presteza em aparar uma de suas arestas.

Muitas questões de há muito debatidas, serão encaminhadas, algumas  ja em curso, com a chancela da legitimidade da classe ja cansada do abandono, para um diálogo franco com o governo.

A clareza e a necessidade de transformações está mobilizando os trabalhadores da arte brasileira, e sua adesão gradativa vem se revelando de forma crescente, longe dos interesses pessoais ou de grupelhos a defender seu pequeno quinhão.

Que o exemplo da ministra Ellen Gracie seja seguido por aqueles que detém o poder para encurtarmos os caminhos do entendimento de que a cultura de um pais é a alma de seu povo.

Volto ao jardim para ouvir a voz tosca de Cartola, ex lavador de carro, sem diploma de músico ou poeta, com uma rosa na mão para oferta-la à ministra Ellen, sussurrando ao meu ouvido em nome de todos, uma das canções mais belas ja feitas neste pais:

“Bate outra vez, com esperanças o meu coração”…

Sergio Ricardo

 

Anúncios

2 respostas em “AS ROSAS NÃO FALAM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s